Recital de Poesia: U…Tópicos

Publicado em 11-12-2004

No dia 11 de Dezembro de 2004, o Grupo de Jograis “U…Tópicos” deu um recital de poesia no Palácio do Infantado, integrado na programação da Feira do Livro 2004.
O Grupo de Jograis "U...Tópico" foi fundado em Novembro de 1998.
Presentemente é constituído por quatro elementos: Maria de Fátima, Maria Luísa, António Freire e Manuel Diogo.

“Tipo de actividade e nome”
Jograis, porque nos sentimos e queremos sê-lo (arautos, trovadores), e porque esta é uma actividade cultural em franco declínio. Depois da elevada qualidade e carisma de alguns representantes (Jograis de S. Paulo e Jograis de Lisboa) tem vindo a entrar numa fragilidade que nos propomos combater por entendermos que a poesia e a prosa portuguesas são das mais dignas e relevantes e merecem esta figura colectiva da dicção.
"U...Tópico" configura essencialmente um artifício entre as palavras «tópico» e «utópico». Se desejaríamos situar-nos como tópico de qualquer referência sobre quem diga a poesia e a prosa em grupo, a verdade é que a utopia continua para nós a fazer sentido.

“Objectivo e reportório”
O nosso objectivo principal: promover, divulgar, mostrar os poetas e prosadores portugueses assim como todos os que se exprimem na nossa língua e, consequentemente, defender a Língua Portuguesa.
No nosso reportório figuram cerca de 300 autores envolvendo mais de 1200 textos trabalhados para as nossas vozes (perto de 100 prosas - contos, crónicas, excertos de romances, etc. - e o restante em poesia).
Actuações
São inúmeros os recitais em diversas Instituições (Sociedades, Associações, Casas Regionais, Bibliotecas, Clubes, Juntas de Freguesia, Câmaras Municipais, Grupos Culturais, Tertúlias de Poesia, Teatros, Cafés Literários etc.), e cerca de uma vintena de Escolas Básicas e Secundárias. Também a RTP2 (Programa “Entre Nós”), Internacional e África gravaram e exibiram recitais do grupo.

Para mais informações consulte o site em http://www.jograis-utopico.com